Medicina Nuclear - Saiba Mais!

Sub Forum destinado à discussão de Temas relacionados com a Medicina Nuclear

Medicina Nuclear - Saiba Mais!

Mensagempor Henrique Pimenta em Domingo, 31 Ago 2008 18:42

:arrow: O que é a Medicina Nuclear?

Imagem
A Medicina Nuclear é um técnica complementar de diagnóstico e terapia que recorre ao uso de radiações ionizantes para a obtenção de imagens diagnósticas ou resultados terapêuticos. É administrado ao paciente um complexo radioactivo, constituído por um componente emissor de radiação, quimicamente acoplado (ocorre uma reacção de marcação) a um vector quími-
co, que é uma molécula específica com afinidade para determinado órgão ou estrutura. Esses complexos são denominados Radiofármacos (RF).


:arrow: O Papel do Técnico de Medicina Nuclear:

O Técnico de Medicina Nuclear (TMN) é o profissional responsável pela execução e análise primeira dos procedimentos de Controlo de Qualidade dos equipamentos e dos RF.
É o TMN que procede à preparação dos RF, à preparação das mono-doses a administrar e à sua administração aos pacientes. Sob tutoria de um Médico, geralmente um especialista de Medicina Nuclear, o TMN deve ainda proceder à realização da anamnese do paciente (recolha de dados relevantes da sua história clínica), explicar o procedimento e a preparação específicos para o exame a realizar e acompanhar o paciente até ao final do estudo.
Imagem
Finalmente, o TMN é o responsável pela realização técnica do estudo, por controlar a sua qualidade e por efectuar o seu processamento (tratamento dado à imagem “em bruto”).
Durante todos estes procedimentos, é da responsabilidade do TMN a aplicação das normas e princípios de protecção contra radiações, visando a sua própria segurança radiológica, bem como a dos seus pacientes e colegas.


:arrow: Áreas de actuação em Medicina Nuclear:

A Medicina Nuclear apresenta duas áreas principais de actuação – Terapêutica e Diagnóstico.


Terapêutica:

Em terapia por Medicina Nuclear, são utilizadas fontes radioactivas de emissores Beta (ou Alfa) que estão também a “radiomarcar” uma molécula que apresente afinidade para o órgão ou estrutura a tratar. Por exemplo, para terapia paliativa de metastização óssea, é marcado um difosfonato (molécula com afinidade para o osso) com um elemento radioactivo com emissão Beta.
Alguns emissores Beta, emitem também radiação Gama, pelo que permitem ainda a realização de imagens em Câmara Gama, ou seja, além da acção terapêutica, é possível ter acesso imagiológico à distribuição dessa substância no organismo. Por outro lado, existem emissores Beta que apenas emitem aquela radiação: são emissores Beta puros.

Diagnóstico – MN Convencional:

Imagem
Para diagnóstico, o RF é administrado ao paciente (por via oral, endovenosa, inalatória, entre outras), seguindo-se um tempo de espera determinado. Esse período é essencial para a correcta biodistribuição do Radiofármaco e é variável dependendo do tipo de molécula administrada e, necessariamente, do exame a realizar.

Após a administração do Radiofármaco e o período de espera correspondente, segue-se a aquisição das imagens complementares de diagnóstico. Estas, são genericamente denominadas Cintigrafias (Imagem por Cintilação) ou Gamagrafias (Imagens por raios Gama).
Imagem
A Cintigrafia ocupa um período variável, dependendo da taxa de contagens no órgão/ estrutura em análise, ou seja, do número de fotões gama contabilizados pelos detectores do equipamento (Câmara Gama) e, naturalmente, do tipo de exame realizado.

Pode então realizar-se Cintigrafias aos mais variados órgãos ou estruturas, dependendo apenas da Investigação de moleculas com mais ou menos especificidade para determinado tipo de estudo.
Imagem
São comuns, a Cintigrafia Óssea, da Tiroideia, Renal, Cardíaca (ou de Perfusão do Miocárdio), Cerebral, Hepática, Pulmonar (de Ventilação e de Perfusão), entre muitos outros.

Menos comummente, realizam-se estudos in vitro, Cintigrafias para estudo de focos infecciosos de etiologia indeterminada (Cintigrafia com 67Gálio), Cintigrafia da Medula Óssea, Imunocintigrafia...

Diagnóstico – PET:

Imagem
Outra vertente da Medicina Nuclear, esta mais recente em Portugal, é a Tomografia por Emissão de Positrões, ou PET (do inglês Positron Emission Tomography).
É também uma técnica de imagiologia diagnóstica, mas que utiliza radioisótopos emissores de positrões (“anti-partícula” do electrão).
Os positrões aniquilam-se com os electrões do local do corpo em que se en-
contram, originando a projecção de dois fotões em direcções diametralmente opostas, denunciando assim a localização do local onde se encontram.
Imagem
Tal como nas técnicas de diagnóstico de Medicina Nuclear convencional, as PET podem também ser realizadas para pesquisa de diversas patologias e para o estudo de vários órgãos, dependendo mais uma vez do tipo de vector químico acoplado ao elemento radioactivo (do Radiofármaco).

Diagnóstico – Osteodensitometria:
Imagem
Tal como os Técnicos de Radiologia, também os Técnicos de Medicina Nuclear estão habilitados a realizar a osteodensitometria.

É um exame indicado especificamente para a avaliação da densidade óssea, deduzindo-se o diagnóstico de osteoporose ou osteopenia.
Imagem
Na osteodensitometria é mais habitualmente realizado imagens ao colo do fémur (esquerdo ou direito), à coluna lombar e ao punho/ante-braço (esquerdo ou direito), podendo no entanto ser avaliadas outras regiões do corpo e até mesmo o corpo inteiro.


+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
+ Artigo de: Edgar Lemos Pereira
+ TDT em Medicina Nuclear.
+++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
Avatar do utilizador
Henrique Pimenta
Webmaster
 
Mensagens: 1692
Idade: 33
Registado: Segunda, 12 Jun 2006 22:10
Localização: Londres
Área TDT: Radiologia

Re: Medicina Nuclear - Saiba Mais!

Mensagempor olinda em Terça, 18 Nov 2008 16:25

Bom trabalho Edgar!
Olinda Dias
olinda
Membro Sénior
 
Mensagens: 438
Idade: 37
Registado: Quinta, 13 Dez 2007 19:22
Localização: Barcelos

Re: Medicina Nuclear - Saiba Mais!

Mensagempor Marlene Brandão em Segunda, 03 Ago 2009 15:38

Como complemento à informação disponibilizada pelo nosso colega Edgar deixo estes dois links para vossa consulta:

http://interactive.snm.org/docs/whatisnucmed.pdf

http://interactive.snm.org/docs/whatisnucmed2.pdf
Marlene Brandão
[email protected]
Avatar do utilizador
Marlene Brandão
Administrador
 
Mensagens: 7765
Idade: 35
Registado: Quarta, 19 Out 2005 22:47
Localização: HR Hospitalar
Sexo: Feminino
Área TDT: Radiologia

Re: Medicina Nuclear - Saiba Mais!

Mensagempor Ana Baía em Sábado, 18 Set 2010 01:06

Grande Edgar!!
:P
Ana Baía
Membro Iniciante
 
Mensagens: 2
Registado: Sábado, 18 Set 2010 00:57
Sexo: Feminino
Área TDT: Medicina Nuclear

Re: Medicina Nuclear - Saiba Mais!

Mensagempor Marlene Brandão em Quinta, 02 Fev 2012 21:13

Marlene Brandão
[email protected]
Avatar do utilizador
Marlene Brandão
Administrador
 
Mensagens: 7765
Idade: 35
Registado: Quarta, 19 Out 2005 22:47
Localização: HR Hospitalar
Sexo: Feminino
Área TDT: Radiologia


Voltar para MEDICINA NUCLEAR

Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron